7 dicas para vender artesanato no e-commerce

7 dicas para vender artesanato no e-commerce





 O mercado digital é uma vitrine para o mundo e uma ótima maneira de aumentar as vendas e, portanto, os lucros da empresa. Com o e-commerce, você pode literalmente vender qualquer coisa.

O cliente deseja receber o produto em casa, sem precisar sair dele.

Neste conteúdo falaremos sobre a venda de artesanato pela Internet. Com o objetivo de ajudar cooperativas, associações e artesãos individuais a desenvolverem suas vendas e chegarem ao mercado nacional e internacional.

Vamos passar para as dicas.


1. Métodos de pagamento


No mercado online existem vários métodos de pagamento e envio. Cada empresa oferece as possibilidades ao cliente e ele toma a decisão. O processo é rápido e eficiente e não depende da localização geográfica ou fuso horário do comprador;


2. Escolha da embalagem


Escolha embalagens resistentes para o transporte de produtos. Afinal, é a maneira de colocar o produto completo e sem danos nas mãos do cliente. Quando se trata de artesanato, a proteção deve ser ainda mais rígida. E, dependendo do local da compra, a viagem pode ser longa.


3. Obtenha seguro

Contratar um seguro na hora do embarque não é apenas uma ótima decisão, mas também pode lhe poupar muitas dores de cabeça. E mais uma maneira de garantir que seu produto chegue da mesma maneira que foi enviado.


4. Invista em um site confiável

Garantir um site seguro, livre de vírus e outros riscos para o consumidor, com design atraente e informações para uma compra ágil, também é essencial para que ele não desista da compra.


5. Aprenda como exibir o produto.

Comprar artesanato na Internet é mais complicado, assim como o próprio produto. Porque muitas vezes o comprador não para de tocar na peça. Para superar essa necessidade de contato físico, faça do seu site uma verdadeira vitrine. Também abuse das dicas sobre cada produto e fotos de diferentes ângulos. Tudo isso para que o comprador não tenha dúvidas na hora de dar o "ok" para a compra.


6. Conclua a venda com sucesso

Não apenas uma compra, mas uma boa experiência de compra. É assim que também deve se posicionar diante do consumidor no mercado digital. Portanto, além da segurança e funcionalidade, tente garantir a eficiência do negócio digital. Não adianta fazer a venda e não poder realizá-la ou fazê-la de uma forma que não satisfaça o cliente.


7. Conheça a si mesmo

Existem inúmeras maneiras de ser notado online. São diversos cursos online com dicas de como se posicionar no mercado digital. Absorva e coloque todo esse conteúdo em prática - para mostrar que está aqui para permanecer no comércio eletrônico.


E, claro, não desanime: embora eu tenha que fazer o número e não seja a área preferida de compras de produtos artesanais - que realmente exigem mais contato físico - é inegável que são cada vez mais as compras de elenco na Internet. O cliente deseja receber o produto em casa, sem precisar sair dele.

Portanto, sugerimos que você melhore suas estratégias e, claro, seu produto a cada dia. Só porque você vende produtos online, não significa que terá que ficar sem a loja física. Por outro lado, participar de feiras e tours é sempre uma boa oportunidade para os clientes conhecerem de perto o seu produto.

Comentários